Nossa luta pela vocalização de pessoas asiáticas LGBT+

A página Asiáticos pela Diversidade foi criada no dia 18 de março de 2015, porém ela foi deletada e novamente criada no dia 21 de setembro do mesmo ano. O principal objetivo da página é oferecer visibilidade à comunidade LGBT+ asiática residente no Brasil e ao redor do mundo através do compartilhamento de notícias, conteúdos humorísticos e depoimentos compartilháveis. Abaixo apresentamos as atuais políticas de postagem da página:

1. Por “Asiáticos” entendemos qualquer pessoa que seja nacional, ou tenha ascendência de algum país da Ásia.

2. Por “Ásia” adotamos o conceito geográfico. Por isso, não tratamos exclusivamente de questões ligadas à raça amarela (Pessoas de etnias do leste-asiático) mas também de pessoas brancas (Armênias, georgianos e israelitas por exemplo) e pessoas marrons/pardas (Indianos, árabes e filipinos por exemplo). Segue a lista completa de países que abraçamos (Ordem alfabética): Afeganistão, Arábia Saudita, Armênia, Azerbaijão, Bahrain, Bangladesh, Brunei, Butão, Camboja, Catar, Cazaquistão, China, Chipre, Coréia do Norte, Coréia do Sul, Emirados Árabes Unidos, Filipinas, Geórgia, Iêmen, Índia, Indonésia, Irã, Iraque, Israel, Japão, Jordânia, Kuwait, Laos, Líbano, Malásia, Maldivas, Mongólia, Myanmar, Nepal, Omã, Palestina, Paquistão, Quirguistão, Singapura, Síria, Sri Lanka, Tailândia, Taiwan, Tajiquistão, Timor-leste, Turcomenistão, Turquia, Uzbequistão e Vietnã.

3. O nosso principal objetivo é tentar criar um material leve, humorístico e de fácil acesso para a construção de uma consciência inclusiva, tanto para as questões raciais como para as questões LGBT+

_____________________________________________

Nossa Equipe

Rodrigo Ken: Homem cis de ascendência japonesa, está cursando Química e pretende trabalhar no campo da nanotecnologia/nanomedicina. Acredita que a inclusão e a visibilidade são fundamentais para o desenvolvimento da empatia e de uma sociedade igualitária. Dessa forma, espera contribuir no acolhimento e estimular a representatividade de pessoas asiáticas LGBT+ nas diversas áreas.

Rodrygo Tanaka: Homem cis de ascendência japonesa, trabalha como professor e pesquisador de língua, literatura e cultura japonesa. Os seus principais interesses são em representatividade de pessoas asiáticas LGBT+ na mídia, recuperação da história LGBT+ e produção artística queer.

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑