Ele é Gay. Ele é cristão. E ele quer ser a próxima grande estrela do K-pop.

Texto de Malcolm Rhode originalmente postada no Queerty.

Tradução: Daniel Massanori Teruya Leite

_________________________________

Conheça Marshall Bang (Também conhecido como MRSHLL). Eele é um cantor coreano-estadosunidense da Califórnia em uma missão de conquistar o cenário de música sul coreana como um ídolo K-pop abertamente gay e cristão.

Depois de aparecer no “Show me the money” (uma versão coreana do “The Voice”) no ano passado, Bang lançou o seu novo disco em maio, o qual ele diz que terá uma influência de R&B.

O cantor cresceu numa comunidade cristã conservadora nos subúrbios de Anaheim, Califórnia. A mãe dele é uma pastora de uma igreja evangélica para coreanos imigrantes.

https://www.instagram.com/p/Bj6LJullmSm/?taken-by=marshallxyz

“A igreja deveria ser um lugar que você poderia ser o que você quiser, mas alguns assuntos são intocáveis” diz Bang para uma Entrevista ao KCPP. “Ser gay é uma delas”.

Enquanto crescia, Bang evitava pensar na sua sexualidade focando em sua música, cantando no coral da igreja  e fazendo vídeos no Youtube de covers de músicas de outros artistas.

“Eu colocava os sentimentos para baixo e os reprimia” , ele se lembra. “E se alguém me acusasse de ser gay eu ficava tipo ‘não, não’”.

https://www.instagram.com/p/BiQnPW3n-6f/?taken-by=marshallxyz

Depois do Ensino Médio ele ingressou na Universidade de Biola, uma universidade cristã em La Miranda, Califórnia, onde ele continuou a cantar e co-fundou um grupo de dança.

Alguns anos atrás, uma produtora de TV achou alguns vídeos antigo dele no Youtube e ofereceu um voo para ele competir em um concurso de talento em Seoul. Ele não venceu a competição, mas ele mudou para Seoul. Foi nesse momento que ele começou a se assumir.

Ele conta: “Eu falei para minha mãe em coreano. Meu coreano era péssimo, no nível de pré escola. Falei “mãe eu gosto de meninos” e eu acho que ela ficou confusa”.

“Lá não existe muita informação para coreanos sobre o que é ser gay. E lá , definitivamente não tem materiais sobre pessoas LGBTQ para a comunidade cristã coreana”

https://www.instagram.com/p/Bk6lj0FHqH7/?taken-by=marshallxyz

Bang diz que seus pais ainda estão entendendo sua sexualidade, e continuam precsionando ele a se casar e construir uma família.

“Se ser gay é pecado, eu não entendo porquê ser gay é muito pior que mentir, trair e toda essas coisas que as pessoas fazem e  os cristãos aceitam facilmente”, ele conta.

Os fãs já provaram a vibe R&B  no  quarto disco de Bang com a sua recente colaboração com o DJ Friz na música “Dive”.

_________________________________

Links relacionados:

Matéria original (Em inglês): He’s gay. He’s Christian. And he wants to be K-Pop’s next big superstar.

Reflexões sobre uma exposição de arte queer na Coréia

Governo sul-coreano rejeita visto para casal homoafetivo

A primeira estrela K-POP gay: Eu tinha medo de ser fixado unicamente como “o cantor gay”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: