Empresária japonesa Kazuyo Katsuma anuncia estar em um relacionamento lésbico

Tradução de um texto originalmente postado no The Japan Times.

____________________________________

Uma das empresárias mais influentes do Japão surpreendeu o mundo empresarial ao revelar que está em um relacionamento lésbico, possivelmente um marco no lento aumento da aceitação de minorias sexuais no país.

Kazuyo Katsuma, com 49 anos e mãe de três crianças, esteve na lista de “50 mulheres para observar” do Wall Street Journal em 2005 por ganhar “uma legião de fans entre as mães trabalhadoras” através da administração de um fórum online para mães no espaço de trabalho.

Suas fans são conhecida como “Katsumer”, que foi indicada como uma das palavras mais populares de 2009.

Katsuma já havia se casado duas vezes antes.

Em uma entrevista para o Buzzfeed Japan, Katsuma disse que já estava morando com Hiroko Masuhara, uma ativista dos direitos LGBT.

Sem título

“Eu tinha abafado a minha atração por outras mulheres”, disse Katsuma, que já assinou diversos best-seller. De acordo com o seu site, mais de cinco milhões de cópias de seus livros sobre balancear vida profissional e vida pessoal, autogestão e outros tópicos que foram publicados.

“Depois que eu conheci a Hiroko, o gelo dentro do meu coração derreteu, apesar de ter levado alguns anos” disse ela. “Eu espero que essa entrevista possa inspirar alguém e estimular uma mudança”.

Depois de trabalhar para diversas companhias internacionais incluindo a McKinsey e a JPMorgan, Katsuma tem trabalhado como comentarista econômica.

A aceitação de uniões homoafetivas tem começado a se espalhar lentamente pelo Japão, apesar de que o casamento ainda se limite à união entre um homem e uma mulher.

Em abril, o governo do município de Fukuoka iniciou o reconhecimento de uniões civis de casais LGBT, em um esforço de eliminar a discriminação contra minorias sexuais.

A cidade se tornou a sétima municipalidade do país a reconhecer essas uniões, e com isso conferindo diversos direitos e privilégios a eles. O distrito de Shibuya em Tóquio foi a primeira administração a realizar esse reconhecimento em 2015.

A parceira de Katsuma, Masuhara, foi a primeira a receber o certificado do distrito de Shibuya quando registrou o seu relacionamento com outra mulher. O casal acabou se separando posteriormente.

De acordo com uma pesquisa conduzida em 2015 pela empresa de marketing Dantsu Inv., estimasse que um entre cada 13 pessoas é um membro da comunidade LGBT do país.

____________________________________

Links relacionados:

Matéria original (Em inglês): High-profile Japanese businesswoman Kazuyo Katsuma announces she is in same-sex relationship

Cirurgia forçada e esterilização: A comunidade trans do Japão ainda enfrenta uma íngreme batalha

Homem de Osaka que foi barrado na cremação do seu parceiro procura herança e reparação de danos em processo pioneiro

A maior parada LGBT do Japão aconteceu em Tóquio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: