Editores do maior dicionário de língua japonesa corrigem a definição de “LGBT”

Tradução de uma matéria originalmente postada no The Japan Times.

________________________

Os editores do Kojien, um dos mais importantes dicionários de língua vernácula do Japão, revisaram a definição de duas palavras, incluindo “LGBT”, que apareceram na sétima edição lançada no início de Janeiro desse ano.

As novas entradas para as palavras “LGBT” e “Via expressa Shimanami” foram postadas no site oficial e serão as únicas palavras a serem revisadas, afirmam os editores da Editora Iwanami Shoten.

Na entrada para “LGBT”, o Kojien falhou em distinguir lésbicas, gays, bissexuais de transgêneros, definindo “LGBT” como um coletivo de “pessoas cuja orientação sexual é diferente da maioria”.

 

“Lésbica”, “gay” e “bissexual” descrevem orientações sexuais, mas “transgênero” se refere a pessoa cuja a identidade de gênero difere daquela imposta ao nascer.

O entrada revisada define “LGBT” como “em termos gerais, pessoas cuja a orientação sexual não é heterossexual ou pessoas cuja identidade de gênero não corresponde àquela designada ao nascer”.

A revisão foi solicitada por ativistas LGBT que demandaram a correção.

Também revisada, a entrada para “Via expressa Shimanami”, que originalmente foi descrita como a seção de estrada que ligava Honshu e Shikoku e listava quatro ilhas que ela passava. Na sua entrada revisada, a referência incorreta à ilha de Suo-Oshima da província de Yamaguchi foi substituida pela ilha de Oshima da província de Ehime.

Os editores publicaram um pedido de desculpas na quinta feira e disseram que as duas palavras foram as únicas que necessitavam de correção. Anexos com as correções e os pedidos de desculpas serão distribuídos para todas as livrarias, e as versões revisadas irão aparecer nas novas impressões.

____________________________

Links relacionados:

Matéria original (Em inglês): Publisher of Japan’s most authoritative dictionary corrects definition of LGBT

Presidiária trans pede para ser tratada de acordo com seu gênero em prisão de Hokkaido

A humanização do asiático LGBT em “OKAMA – Vozes LGBT nipo-brasileiras”

Livros trazem questões LGBT para estudantes do ensino fundamental do Japão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: